Radioembolização hepática com Ítrio-90 (Y90)

O que é a Radioembolização?

A Radioterapia Interna Seletiva ou Radioembolização, como é mais conhecida, é um tratamento inovador desenvolvido para o tratamento de diversos tipos de câncer hepático, tanto primário quanto metastático. Consiste na injeção de microesferas radioativas diretamente na circulação arterial hepática.

Quais são as indicações da Radioembolização?

O procedimento é uma opção para tumores hepáticos, primários ou metastáticos, geralmente inoperáveis, que não obtiveram resposta completa ao tratamento convencional. Pode ser associado a outros tratamentos, como quimioterapia e cirurgia. Os principais objetivos são retardar a progressão da doença e melhorar a qualidade de vida do paciente, embora, algumas vezes, exista a possibilidade da radioembolização converter um tumor inicialmente inoperável à ressecabilidade (neoadjuvância).

Como funcionam as microesferas radioativas?

As microesferas são marcadas com o Ítrio-90 (Y90), um radioisótopo emissor de radiação beta capaz de concentrar altas doses de radiação localmente, com penetração média de 2,5 mm. Dessa forma, a radioembolização permite alcançarmos doses de radiação até 40 vezes maior que a radioterapia externa convencional ao tumor, com o benefício de causar menor dano ao tecido hepático normal.

Como o procedimento é realizado?

O procedimento é realizado por uma equipe composta por médicos Radiologistas Intervencionistas e Médicos Nucleares, em ambiente hospitalar, utilizando uma sala de hemodinâmica. Por meio de técnicas de cateterismo arterial, é possível injetarmos as partículas radioativas diretamente na circulação que nutre o tumor.

É dividido em duas etapas, sendo a primeira responsável pelo planejamento, no qual é feito o mapeamento vascular do fígado, do tumor e das possíveis comunicações vasculares com outros órgãos não-alvo, visando otimizar a entrega das microesferas no tumor e preservar o tecido saudável e órgãos não-alvo. Já a segunda etapa consiste na injeção das microesferas radioativas com Y90 no fígado e na realização do PET/CT, que avaliará a distribuição imediata do Y90.

Geralmente, na segunda etapa, o paciente recebe alta-hospitalar no dia seguinte ao procedimento, enquanto a primeira fase é feita em regime ambulatorial, com alta após 6 horas de repouso.

Um ponto crucial é a seleção dos pacientes que possivelmente se beneficiarão do tratamento. Apesar do procedimento ser realizado em conjunto por uma equipe composta por Radiologistas Intervencionistas e Médicos Nucleares, há um planejamento multidisciplinar que também envolve Oncologistas e Cirurgiões.

A equipe do IMMI é habilitada e adequadamente treinada para realizar esse procedimento, tendo realizado especialização em Radiologia Intervencionista por 2 anos no Hospital Israelita Albert Einstein em São Paulo, único hospital da América Latina credenciado pela Sirtex como referência no treinamento médico em Radioembolização.

Menu

Olá! Nosso site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Para saber como alterar as configurações de cookies do seu navegador, clique aqui.

Se continuar navegando, entenderemos que você concorda com nossos termos de uso, política de privacidade e política de cookies.

Abaixo, você pode escolher que tipo de cookies você permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FuncionaisNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.Ao continuar navegando, entenderemos que você concorda com nossos termos de uso, política de privacidade e política de cookies.

AnalíticosNosso site utiliza cookies analíticos para possibilitar a análise e otimização para fins de usabilidade.

Mídias sociaisNosso site coloca cookies de mídias sociais para mostrar a você conteúdo de terceiros, como YouTube e FaceBook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

PropagandaNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OutrosNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços que não são analíticos, de mídias sociais ou de publicidade.